O pós 25 Abril

Ainda nem eu era o espermatozóide e Portugal atravessava a 25 Abril de 1974 uma revolução, apelidada por Revolução dos Cravos.
Esta revolução trouxe ao povo Português a liberdade, liberdade essa que o regime fascista nos roubou, deixando o povo Português orfão por mais de 40 anos.
Após mais de 30 anos volvidos, muito se falou, muito ainda se fala e muito se há-de falar do 25 Abril, do pró 25 Abril e do pós 25 Abril. Permitam que vos faça uma pergunta retórica à la Batista Bastos: Onde é que vocês estavam no dia 25 Abril?
Presumo que se fizesse neste dia um inquérito aqui neste estaminé, uns responderiam “Não me lembro”, outros, “em que ano?”, outros “no Lost … a ver este post” (risos) e outros nem sequer responderiam à pergunta pois a achariam fútil e sem qualquer fundamento.
Aqui está uma questão típica para se fazer no dia de hoje, caso queiram mostrar um pouco do vosso sentido de humor (ou não)!
Embora seja esta uma questão mais existencialista do que aquilo que aparentemente pareça, não é o meu objectivo fazer uma discussão profunda deste tipo de questões. Remeto este tipo de questões para os filósofos e afins;
Não é meu objectivo falar do 25 de Abril e muito menos ainda do pró 25 Abril pois não me sinto confortável nesse papel de comentador cronológico. Se o fizesse, iria apenas soletrar tudo aquilo que todos vós podem encontrar numa fracção de segundo em qualquer motor de busca tradicional;
Mas afinal o que posso falar? Pós 25 Abril. O que acho do pós 25 Abril?

Permitam que vos conte um segredo: Sinto-me um felizardo por nascer numa plena democracia partidária, onde há liberdade de expressão, liberdade essa que me permite publicar tudo aquilo que me apetece neste blog, gostem ou não. Aliás, este é o preço da nossa liberdade.
Aliás, como cidadão activo que me considero, sinto-me no pleno direito de deixar aqui a minha opinião sobre o Pós 25 de Abril:
Para mim, o pós 25 de Abril trouxe-nos além de liberdade de expressão, igualdade de direitos, o passaporte para o progresso. No entanto, por mais sofrimento que tenhamos passado com o fascismo, ainda não o conseguimos enterrar. Para a maior parte dos mortais, é acima de tudo uma tendência recalcada que teima em persistir na maior parte das mentes, mesmo naquelas ousam gritam em vós alta “Viva a Liberdade!”
No entanto, Liberdade não é só fazer aquilo que nos apetece. Ser Livre é respeitar a diferença. Aliás: “Os diferentes fazem a diferença ”, that´s me ; “Quando todos pensam o mesmo, ninguém está a pensar.” Walter Lippmann
Agora vos pergunto. Será que ao censurarmos e induzirmos os gostos/opiniões dos outros, estamos a limitar a sua liberdade? Por mais que nos custe a admitir, estamos sim!

Para fundamentar a minha opinião, nada melhor que argumentar com factos. Para tal, proponho-vos uma visita guiada ao blog de um amigo meu de armas, ao post que ele entitulou
25 de ABRIL SEMPRE !!!

http://dark-side-of-the-moon.blogspot.com/2007/04/25-de-abril-sempre.html

Na minha opinião, este post tem o devido interesse, pois fala-nos daquilo que foi o pró 25 Abril, em particular do Tarrafal (diria que um protótipo de Auchwitz). No entanto, com a frase

“Já sei que o Prof. Salazar ganhou à pouco tempo a única eleição a título póstumo, e também existem uns que querem o Museu do Estado Novo. Talvez tudo isso não seria hoje possível ( saudosismo nojento ) se Otelo tivesse comprido o que dizia, mandar todos os de direita para o campo pequeno para serem fuzilados.”

o meu caro amigo está a violar a liberdade de todos os que pensam diferente dele. Já agora? O que foi o Estado Novo? E o Otelo? Se bem me lembro, nunca andei com ele na tropa!
Estou pior que as loiras do concurso “A Bela e o Mestre” da TVI! Ai! Não me lembro.
Pois é, pode ser SAUDOSISMO NOJENTO mas de certeza que este dito Museu poderá ser bastante útil não para mim nem para os meus ascendentes, mas para os meus descendentes perceberem o foi o Estado Novo. Aliás, isto impede a “Liberdade” daqueles que querem saber um pouco mais sobre o Estado Novo. Auchwitz também não é uma miragem … existiu
E já agora? O que contou para a Estatística o Salazar ter ganho uma eleição que nem vale um telho? Provavelmente o mesmo da eleição que levou Santana a líder do PSD e posteriormente a Prime Minister!

Agora apenas questões para os Mestres:
O que foram as Cruzadas?
O que foi a Inquisição?
Em que anos as FP25 operaram?
Porque é que o Dr. Mário Soares, quando ocupava o cargo de PR pôs fim a qualquer comemoração oficial do 25 de Novembro? Será que lhe pesa algo na consciência?
Alguém andou na tropa com os irmãos Cavaco? (Uma pequena pista para as Belas: Não tem nada a ver com o nosso PR.) [Bela: “PR, o que quer dizer isso?”]

E para finalizar, uma pergunta difícil …

Onde é que vocês estavam no 25 de Novembro?

PS1: Não tenho nada contra quem vê a Bela e o Mestre! Eu simplesmente não gosto e por isso limito-me a não ver!
PS2: Rui, peço imensa desculpa por ter violado a tua Liberdade! Opá, problemas da blogosfera!!!

2 thoughts on “O pós 25 Abril

  1. With some of the spaces, experts and shows. 36 its highest sine September 2000
    with the feelgood factor extended to peers such as Gucci-owner
    PPR, Richemont and Christian Dior, whose shares also gained ground.
    All at once, as it was the industrialization of the late 19th century that necessitated luggage for new means of travel.
    louis vuitton outlet online duffle bag is also very popular.

  2. The sides of the shoe. The burberry shirts 90 came a few years later in
    a variety of tones for a great price. The Nike burberry shirts Styles where you impoverishment to buy.
    For your bathroom, you do not have sufficient information and just make purchase basically from your sensation, chances are you’ll make an improper decision.
    Capabilities for instance are classified as the points that you should look at including size, color, manufacturer, in addition to delicious, Atriplex plus Sophorae, is certainly steamed, steamed after which it increases significantly.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s