METABLOGUISMO – SINAIS DE CRISE

Pacheco Pereira no seu blog Abrupto escreveu um post com o título
METABLOGUISMO – SINAIS DE CRISE

Embora não seja um seguidor de Pacheco Pereira, concordo plenamente com o este digno senhor diz! Depois de ter lido este post, questionei a razão que me leva a escrever no meu blog.

Ao contrário de alguns que que usam o seu blog para fazerem incursões pseudo-intelectuais ou desnudarem as suas taras, eu uso o meu blog para simplesmente escrever sobre coisas que gosto ou que faço. Num certo sentido, o meu blog funciona um pouco como a minha face obscura. Nada mais! Eu não pretendo ganhar qualquer tipo de notoriedade com os posts sérios, parvos ou meio sérios e meio parvos que posto aqui!
Na minha opinião, a razão dos blogs serem apetecíveis é o facto de os posts escritos não serem sujeitos a qualquer tipo de “censura” prévia. Ou seja, se me apetecesse agora criar um blog onde escrevesse sobre pintura posso fazê-lo sem qualquer tipo de problemas. No entanto qualquer pessoa com o mínimo de bom senso iria desconfiar sobre o que eu escrevia e chegaria à conclusão que não tenho qualquer tipo de formação na área. Provavelmente qualquer pessoa com bom senso iria comentar o post e dizer que o que eu escrevi estava totalmente errado, e assim deste modo iria ter um feedback imediato.
Há tempos um colega pediu-me que lhe escrevesse um parecer abonatório para concorrer a uma bolsa. Por uma questão de coerência, pedi que ele me enviasse alguns dados, entre os quais o curriculum vitae dele. Qual foi o meu espanto quando li na parte dos interesses que ele tinha um blog que falava de novas tecnologias (i.e. informática e afins)! Por acaso nessa mesma altura tinha um problema com o meu PC e pensei assim: “Deixa-me ver se ele me ajuda a resolver este problema!”
Mais chocado fiquei depois quando ele me disse que percebia muito pouco de PC’s!
Num certo sentido este é o preço que temos que pagar pela evolução e pela liberdade de expressão!
Quando há 40 anos ninguém podia opinar no risco de ir para o xadrez, hoje em dia pode-se dizer tudo e mais alguma. A diferença é que em vez de ir para o xadrez, corre-se o risco de se ser despedido ou suspenso de funções!
Quando há 10 anos atrás ia-se para o café da esquina comentar assuntos mundanos, hoje em dia estes são apenas comentados em blogs. Por um lado fico feliz, pois o café mais perto fica à distância de um clique. Por outro lado, sinto-me infeliz pois não conheço quase ninguém no meu prédio!

Melhor moral da história: Bloga-se mais e convive-se menos!

Como matemático, a minha conjectura é a seguinte:
Porque nestes últimos anos taxa de natalidade tem vindo a descrescer e os blogs têm vindo a aumentar, então blogar-se mais e acasalar menos são duas permissas directamente proporcionais!

PS: Como eu não sou especialista de blogosfera, é bem provável que a minha conjectura esteja errada. Por isso fico à espera que alguém me corrija, se necessário, postando aqui o seu comentário!

2 thoughts on “METABLOGUISMO – SINAIS DE CRISE

  1. Parece-me bem que a tua conjectura está errada e trata-se de uma mera correlação espúria. Dito isto, acho salutar que as pessoas falem sobre si nos seus blogues. Com despretensiosismo. Como tu fazes, por exemplo.

  2. azul neblina:

    É bem provável que eu esteja errado quanto à minha conjectura.
    Penso que eu deixei a questão em aberto em PS.

    “Dito isto, acho salutar que as pessoas falem sobre si nos seus blogues. Com despretensiosismo. Como tu fazes, por exemplo.”

    Sim, de facto é de salutar que as pessoas falem de si nos seus blogues.
    Falarmos de forma pretensiosa sobre nós é contra os princípios da nossa sociedade em si!
    Por isso muitas das pessoas adoptam identidades/nicks para postarem coisas sobre si de forma anónima. E neste sentido, os blogs funcionam como uma líbido.

    Para finalizar, gostaria que o amigo bloger me esclarecesse o significado de desprensionismo. Desculpe a minha ignorância mas eu apenas encontrei no site
    http://www.priberam.pt/dlpo/definir_resultados.aspx

    a definição para pretensionismo

    pretensiosismo
    s. m.,
    atitude própria de quem é pretensioso;
    presunção;
    vaidade exagerada.

    PS: Obrigado pelo seu comentário.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s